Koi to Uso #1 a #4 | Análise Semanal - HGS Anime HGS Anime: Koi to Uso #1 a #4 | Análise Semanal

terça-feira, 1 de agosto de 2017

Koi to Uso #1 a #4 | Análise Semanal

Olá pessoal, eu sou Nick o novo redator do HGS Anime. Na realidade sou um "possível novo redator", já que estou em fase de teste rs. Brincadeiras a parte, estarei aqui semanalmente comentando sobre Koi to uso. Um anime da temporada que estou curtindo bastante. Espero conseguir passar as informações que acho relevante, de uma forma clara e "saborosa" de se ler.   

Começando com um exemplar primeiro episodio, que presentou muito bem o mundo e os personagens. Um começo de historia deve conseguir apresentar o plot, a premissa dramática, os personagens, a situação (as circunstâncias em torno da ação) e estabelecer os relacionamentos entre protagonista e as outras pessoas que habitam os cenários de seu mundo. E esse capítulo conseguiu fazer tudo isso bem feito. Os dez minutos iniciais são importantes para capturar a atenção do telespectador, fazendo com que ele queira acompanhe a historia a partir dali. O roteirista deve apresentar tudo isso mostrando, se você fizer um episodio inteiro só de diálogos explicando o mundo, vai tornar a experiencia para quem assiste massante. Sendo assim a forma como Koi to uso fez ficou muito boa, e dando um twist no final para instigar o publico a querer o próximo episodio. 

Eu sinceramente não esperava que a Misaki fosse corresponder os sentimentos do protagonista, já aguardava o clássico amor platônico. Não foi o caso, já que ela se mostrou gostar do Nejima tanto quanto ele gostava dela. Gerando um dos beijos mais rápidos dos animes, e quase passando de beijo para algo mais intenso; e isso acontecendo em um primeiro episódio.

A cena ficou bem bonita, com a Misaki colocando o cabelo pra trás e ainda um efeito bokeh (que é esse desfoque ao fundo).

E como se isso já não fosse o suficiente, tivemos uma misteriosa mensagem para o Nejima. Dizendo ser a notificação com o nome de sua parceira, aparecendo o nome da Misaki. E em seguida sumindo estranhamente. Logo após chega Motoi Yajima e Ichijou Kagetsu, dois agentes do governo. Eles entregam o verdadeiro aviso do governo, com o nome de Sanada Ririna. Terminando assim o episodio de estreia, deixando essa dúvida quanto a mensagem. Foi um ótimo gancho, porém muito mal explorado nos outros três episódios. Mas não é um mistério? Sim, entretanto a ideia de um mistério na trama é ele estar lá. Você tem que ir lembrando o expectador dessa dúvida, nem que seja pelo protagonista pensando sobre isso. É preciso instigar o publico a ansiar a resposta, essa é a essência do mistério. 


No episodio dois, tivemos a apresentação da Sanada Ririna, que se mostra querendo ajudar o protagonista a ficar com a garota que realmente ama, mesmo que seja a pretendida dele. Isso é uma estrategia de roteiro, já que assim você não cria um triângulo amoroso e dá mais força para esse relacionamento proibido (entre Misaki e Nejima). Um triângulo amoroso poderia tornar Ririna uma vilã, tirando o foco do sistema que é (aparentemente) o verdade vilão da historia. 

Houve ainda a conversa de Misaki com Ririna que foi de extrema importância, uma vez que desenvolveu a Misaki como personagem. Mostrando que ela é maluca pelo protagonista, aumentando o desejo do publico de que fiquem juntos. Vimos como ela tem um fascínio pelas coisas simples, e até mesmo bem idiotas, do Nejima. A forma como ela ficou empolgada em conseguir falar com alguém sobre ele, ficou muito bonitinha. E quando a Ririna fala que gosta da forma bondosa do protagonista, ela faz uma cara toda vermelha como se estivesse se apaixonando por ele de novo.


Para completar o capítulo, há a cena em que Ririna fala para o Yukari beijar novamente a Takasaki. Achei não só esse pedido, mas a forma como a Sanada age muito estranha. Parece que ela não percebe que serão obrigados a casar, cedo ou tarde. Fiquei imaginado para onde levariam a personagem, automaticamente cheguei a concluir que fariam uma dupla de casais. Sendo o par dela, o amigo do protagonista, Nisaka Yuusuke. Mas o próximo capitulo trouxe uma coisa que eu não havia calculado, e que fazia todo sentido...
 
Entrando, no episodio 3, começamos com um diálogo entre o protagonista e seu amigo Yuusuke. Eles se lembrando como se conheceram, sendo até agora o episódio que mais construiu esse personagem. Estou com a expectativa que explorem mais, ele tem muito a oferecer a trama, especialmente depois do twist que foi totalmente inesperado para mim. Mas foi muito bem construído, posto que várias garotas se interessavam por ele, sendo descrito como um garoto muito bonito. E aparentemente ele não tinha nenhuma interesse nelas. Há uma troca de olhares entre ele e  Misaki, de uma forma como se animais selvagens estivessem em um confronto por comida. Quando ele chegou na sala com o protagonista dormindo, ficou com um clima bem estranho. Eu tive um leve pressentimento. Então temos um corte de câmera, com a cortina se mexendo até que vemos Yusuke beijando o Nejima. As coisas foram muito bem levadas para o momento chave, tanto em quesito de roteiro quanto visualmente, foi tudo bem dirigido.

Mesmo sendo uma boa cena, que teve todo um trabalho até chegar o grande momento, ainda não é totalmente uma construção de personagem. É o começo. Agora precisam definir as necessidades dele. O que o personagem quer alcançar, ou obter, durante o transcurso da história? Precisamos saber disso agora.


Acabei pulando para o final do episodio, então irei voltar um pouco para comentar algumas coisas relevantes que aconteceram. O protagonista chega na casa Ririna e se depara com a Misaki, que estava planejando ver os dois se beijando. Os dois quase se beijam, mas o Neijama fica muito nervoso e não consegue. A Ririna age como se tudo fosse um mangá shoujo ou uma novela, simplesmente assistindo e torcendo para o casal principal ficar junto. Porém, tivemos a provável demonstração de um sentimento surgindo, ela fica simplesmente parada olhando o casal, sem reação nenhuma. A Misaki como uma garota que está apaixonada entende a reação. Com as duas sozinhas, Takasaki revela qual o seu objetivo"

"Eu quero mesmo que voce se apaixone pelo Nejima-kun." 

Será que ela realmente quer isso? Óbvio que não, beijou o Nejima por ela mesma, e não para ajudar a amiga. Ela tem uma atração física e emocional por ele. Na  primeira questão, a animação consegue mostrar perfeitamente, com todas as suas reações, a forma como ela não quer beijá-lo mas não consegue se controlar. Isso dá algumas camadas a personagem; com uma parte dela querendo ficar com ele, e uma outra querendo que a Ririna e o Nejima fiquem juntos. Ela tenta se convencer disso: 

"Eu provavelmente não sou a garota certa para ele."



~ Um destaque para a sensualiza passada nos beijos.

 A Ririna está começando a gostar dele. Mesmo que não perceba, ela ficou incomodada quando pareceu que os dois iriam se beijar. A Misaki comenta isso, deixando a Sanada sem reação e completamente eufórica. Estamos começando a ver o rumo que a personagem vai tomar. Ainda tivemos um beijo entre a Takasaki e o Yukari, flagrado pelo Nisaka que descobrimos gostar do herói. Isso me leva a questionar o que passou na cabeça dele. Raiva, tristeza ou outra coisa? Isso vai ser a bela de uma preguiça de roteiro, se não for explorado. No episodio 4, Sanada vendo o livro de fotografias (do fundamental) do Nejima nos mostra um pouco mais do quanto o protagonista gostava da Misaki.

 Ele simplesmente comprou o álbum por ter a Takasaki em um vislumbre no fundo da foto que ele aparece. E o quanto ter entregue aquela borracha foi importante para ele. Isso dá uma carga emocional a tudo que ele está vivendo agora. Descobrir que a pessoa que ele mais admirava, o admira igualmente, e que ele está nas lembranças dela serve para desenvolvendo o relacionamento deles. Essa cena foi um "estofo" de conteúdo para a paixão do casal. Com esse capitulo descobrimos mais ou menos como funciona o sistema de escolha de parceiros. Desde antes de entrarem no primário até os 15 anos, são testados de diferentes formas. Tem até mesmo testes de moral.

 E então com um sistema cientifico é selecionado o parceiro aos 16 anos, antes que a personalidade esteja completamente desenvolvida. Isso enriqueceu tremendamente o mundo, que é essencial para uma imersão. Eu estava achando uma explicação muito fraca de que somente combinavam casais aleatoriamente. Eles dizem que com um apoio cientifico, a chance de um casal falhar é extremamente baixa. Mesmo sendo uma boa explicação a forma como fazem volta a velha incógnita que é o ser humano. Já que muitas vezes as atrações humanas não são algo tão simples assim, mas não estou dizendo que é um erro na história visto que é de propósito. 

Como gancho para o próximo episódio teremos os 4 personagens em um mesmo cenário. Vai ficar mega interessante se explorarem nesse próximo capitulo como o Nisaka se sente. É uma coisa que não precisa necessariamente ser dita, pode ser mostrada com atitudes. Espero não me decepcionar... 

Avaliação - Episódio 1: ★ ★ ★ ★ ★ (++) 
Avaliação - Episódio 2: ★ ★ ★ ★ ★ 
Avaliação - Episódio 3: ★ ★ ★ ★ ★ (++) 
Avaliação - Episódio 4: ★ ★ ★ ★ ★


Nenhum comentário:

Postar um comentário


HGS Anime - 2016