Suka Suka #12 A GAROTA MAIS FELIZ | Impressões Finais - HGS Anime HGS Anime: Suka Suka #12 A GAROTA MAIS FELIZ | Impressões Finais

quarta-feira, 28 de junho de 2017

Suka Suka #12 A GAROTA MAIS FELIZ | Impressões Finais



Para deixar claro: Farei o review completo sobre o anime  em outro post, que deverá sair logo. Esta análise será mais sobre o contexto e ideias subjetivas sobre o episódio.

O fim de Suka Suka foi aberto e muito inconclusivo, mas bem impactante. Para minha alegria pessoal finalmente colocaram muita ação no último episódio da série, mesmo que a ideia da obra nunca tenha sido a ação desde o início, e em meio a uma notória boa produção que estava super empenhada esse epílogo. 


Entre ótimos reflexões de Willerm e Chtholly, manteve-se nítida a ideia de que a garota já era realizada por ter ganho um motivo de viver. Já tinha descoberto o que é o amor e ter oportunidade passar dias felizes (mesmo que poucos, para ela era muito) ao lado de quem a fazia feliz. Essa foi a verdadeira salvação que o protagonista causou à heroína - agora não  mais com os cabelos azuis.

Como muito bem mostrado pela cena que dividira os atos deste episódio, havia uma ênfase em mostrar que Chtholly estava plenamente satisfeita com a sua vida, e que de tal forma era ela quem agora devia alguma coisa ao soldado a quem se apaixonou. Willerm visou tanto salvar Chtholly e Nephren que só pode perceber quantas vezes havia falhado nas promessas em que disse que protegeria alguém.

A queda de Chtholly da nave, bem como os diálogos intercalados entre os monólogos do casal enquanto ela acabava com todos os monstros da superfície, e explodia todo o local, proporcionou o ponto auge da produção do episódio, que trouxe um inestimável abalo que se equilibrava com a trilha sonora e os cortes bem feitos da leprechaun extirpando os inimigos.


No fim a garota não só salvou Willerm mas provavelmente todas as ilhas do céu.

Após todo o show emocional/visual, voltamos a realidade em perceber os inúmeros pontos em abertos sem o contexto necessário para a devida compreensão dos fatos acontecidos. Chtholly reencarnou no final? Como? Por que não deram a mesma abordagem sobre Nephren? Ela não foi mostrada. O que aconteceu com Willerm? Quais as explicações deixadas sobre o papel dos deuses, e particularmente sobre a pequena Elq? Há muitas outras questões em escala totalmente aberta. Acredito que este final, que não preocupou-se em rushar os acontecimentos nem jogar um final original, atiça bem os interessados a mergulhar-se na já encerrada light novel para entender melhor do contexto, da complexidade desse mundo e ver com mais detalhes os pontos que no anime foram, algumas vezes, levemente introduzidos e/ou explicados.

Avaliação: ★ ★ ★  ★ (+)





Nenhum comentário:

Postar um comentário


HGS Anime - 2016