Explicando a Science Adventure Series de Steins;Gate, Chaos; e Robotics;Notes | Guia HGS - HGS Anime HGS Anime: Explicando a Science Adventure Series de Steins;Gate, Chaos; e Robotics;Notes | Guia HGS

terça-feira, 13 de junho de 2017

Explicando a Science Adventure Series de Steins;Gate, Chaos; e Robotics;Notes | Guia HGS


Se você está por dentro de visual novel's, provavelmente você já jogou Steins;Gate, e se não, deveria. Porém Steins;Gate é só um entre a série de games que estão juntos devido à seu conto sci-fi - e ao inadequado uso do ponto e vírgula, estamos falando da Science Adventure Series.

Atualizado: 13/06/17

Science Adventure Series é, como o próprio nome diz, uma série de cinco visual novel's feita pela 5pb Games e a Nitroplus, sendo estes: Chaos;Head, Chaos;ChildSteins;Gate, Steins;Gate 0 e Robotic;Notes. É fácil perceber que os games da SAS (Science Adventure Series) são conhecidos pelo seu ponto e vírgula ao meio, mas isso nada mais é do que uma marca registrada para marketing; Há também várias side histories não canons, spinoffs e até mesmo edições especiais desses games, com um conteúdo adicional. 

Comentarei de maneira rápida sobre a premissa de cada visual novel, além das principais referências e ligações existentes entre si. Após falar sobre cada obra, vou mostrar o principal ponto em comum que envolve todas histórias em volta do mesmo conceito sci-fi, com suas naturezas conspiratórias.

Resumo

Os games de Chaos; focam em pessoas com poderes que alteram a realidade, lidando com a natureza de percepção, realidade e antimatéria. Os dois títulos de Steins;Gate são sobre viagem no tempo, indo a fundo com um menu de teorias sobre construir uma verdadeira máquina do tempo, e o porquê de cada tentativa não funcionar. Robotic;Notes é basicamente sobre um grupo de crianças construindo um Gundam realístico, com ciência atual, isto é, com conceitos modernos de como realmente deveria funcionar um robô gigante. 

Porém, não significa que todos conceitos científicos abordados são precisos e coerentes, afinal trata-se de ficção científica, mas pelo menos eles conseguem se manter entre o nível do real e do fictício. 

Chaos;Head

Chaos;Head começa no ano de 2009, seguindo um otaku chamado Takumi que vive no topo de um apartamento em construção, na Shibuya District em Tokyo. Certo dia, enquanto estava alimentando seu vício, imagens de um horrível assassinato são mandadas ao garoto - um homem empalado em uma parede por milhares de estacas. Ele ignorou pensando que era um trote; Mas enquanto anda de volta para casa no dia seguinte, cruza com a mesma cena - com a adição de uma garota de cabelos rosa com estacas em suas mãos.

Logo após, Takumi se encontra no centro de bizarros assassinatos em série. Suspeitado pela polícia, enquanto vai ganhando a certeza de que será o próximo alvo, várias garotas começam a aparecer em sua vida; Takumi começa a ser superado pelos delírios que passam do horrível, para o erótico.


Tratando-se de uma visual novel, você escolhe se ele vê algum evento com uma visão positiva (erótica por exemplo), se fica chocado por algo negativo (momentos sangrentos e horrorosos), ou se administra para "ficar na realidade". Essas opções afetam o rumo do game, sendo um total de três diferentes finais para se chegar. Na versão remasterizada, Chaos;Head Noah, os delírios dele afetam muito mais por existirem mais rotas na história.

A série é relativamente curta se comparado com o resto da SAS, e provavelmente possui o personagem principal mais apático dentre os demais.

Chaos;Child

Uma sequência temática de Chaos;Head com todos os assassinatos, delírios e poderes que alteram a realidade. Enquanto o elenco inteiro de Steins;Gate retorna para Steins;Gate 0, como será mencionado mais à frente, apenas um único personagem de Chaos;Head aparece fisicamente em Chaos;Child, o foco mesmo é em um elenco completamente novo.

Chaos;Head termina com um tremendo terremoto nivelando Shibuya, em 2015. Chaos;Child trata-se de um grupo de adolescentes que sobreviveram desse terremoto quando crianças, mesmo com a maioria de seus amigos e familiares mortos.


O personagem principal desta vez é Takuru, presidente do clube de jornalismo de seu colégio. Ele é o primeiro a notar que dois assassinatos recentes e horrendos aconteceram nas mesmas datas dos assassinatos em série em Chaos;Head; Acaba descobrindo o padrão por trás das vítimas, e que ele e muitos de seus amigos são possíveis alvos. Com isso, vira um jogo de gato e rato. Ele pode pegar o assassino e salvar seus amigos antes que a próxima data de assassinato venha a ocorrer?

Steins;Gate

Steins;Gate é até mesmo considerado uma das melhores visual novel já feitas. Bons personagens, e eventos com twits muito emocionantes, é uma obra-prima; Sem contar a adaptação em anime que provavelmente é a melhor se tratando em de adaptação de uma visual novel. 

A história se passa 2010 e é sobre Okabe, estudante universitário que se auto-denomina um cientista louco, morando em Akihabara, quando acidentalmente inventa a viagem no tempo. Um dia, após um seminário sobre o assunto de viagens no tempo, Okabe encontra o corpo recém assassinado de Kurisu - uma neurocientista gênio de 18 anos. Quando o protagonista envia um texto a seu amigo, o mundo é alterado para uma realidade em que Kurisu está viva - o que deixa Okabe intrigado consigo mesmo que insiste que a viu morta. 

Grande parte da primeira metade do jogo - e do anime - trata de Kurisu, Okabe e seus amigos, até que eles descobrem o que, e como, ele fez fez o envio da mensagem para o passado, entendendo como repetir o feito e fazendo com que eles comecem a enviar mensagens para o passado para resolver alguns problemas. Lidando com as consequências dessas ações - e tentando superar a maneira quase odiosa como o multiverso está estruturado, a segunda parte da história se trata de Okabe lutando contra o destino, e contra si mesmo.


A interatividade no gameplay de Steins;Gate é feita através do celular de Okabe; Responder a mensagens, fazer chamadas, e até mesmo tirar o telefone em determinados momentos pode afetar drasticamente como o enredo se desenrola. Em outras palavras, o jogo muda com base em como Okabe interage com os outros, e que informações ele recebe em certos momentos.

- Em Steins;Gate há uma referência a Knight Hart, o nick que o protagonista de Chaos;Head, Takumi, usava online. Na visual novel de Steins;Gate é mencionado que esse personagem também estava procurando o IBN 1500.

- Kurisu explicou o conceito de "Time Leap Machine" para Okabe usando papéis de NOZOMI de Chaos;Head.

Chaos;Head acontece um ano antes de Steins;Gates, com eventos consistentes entre si, dentro da linha temporal Beta; Relação de divergência: 1.130426%. Steins;Gate estava então, originalmente, na mesma linha temporal de Chaos;Head, mas após Okabe enviar seu primeiro D-Mail a história passa para outra linha temporal.

Steins;Gate Elite

Foi anunciado no evento Chiyo-St. Live 2017 -Genesis- a ,Steins; Gate Elite, o novo jogo que está sendo promovido como um "grande update" de Steins;Gate, sendo o mesmo jogo porém atualizado e com novos elementos. Plataformas, detalhes de suas novidades e data de lançamento ainda não foram revelados.

Steins;Gate 0

Steins;Gate 0 começa do meio da história original, fazendo assim uma mudança total no roteiro em relação ao "verdadeiro final" que encontra-se em Steins;Gate. Okabe está quebrado e vazio em relação ao seu antigo eu; Ele destrói a máquina do tempo ao invés de tentar um final feliz e tenta tocar sua vida para frente. Assombrado por suas memórias e sofrendo pelo PSTD, acaba se conectando com os colegas de uma pessoa morta, fazendo ele entrar em uma nova aventura em que aprende que mesmo em um mundo sem máquinas do tempo, o fato de que um novo pode ser criado é o suficiente para destruir a sociedade.

É uma história de redenção emocional, em que o mundo desmorona em torno de Okabe e ainda assim ele precisa encontrar forças para continuar, e acaba servindo para mostrar tudo o que foi necessário para obter-se o "final verdadeiro", o que por sua vez dá ao fim primeiro jogo, Steins;Gate, um impacto emocional muito maior do que poderia-ser ter sem jogar Steins;Gate 0.


O interessante é que o gameplay de Steins;Gate 0 é afetado ainda mais pela opção de poder atender o celular de Okabe em alguns momento-chave. Mesmo sem nenhum máquina do tempo existente, tanto a escolha de atender ou não o celular faz com que a linha do tempo mude de maneiras drasticamente diferentes; Não há como ficar na linha temporal em que o jogo se inicia, e o motivo disso é um dos principais mistérios que envolvem a visual novel.

Robotics;Notes

Robotic;Notes se passa em 2019 na ilha japonesa de Tanegashima - que serve como um dos locais de lançamento da JAXA (a NASA japonesa). A história segue um grupo de crianças no clube de robótica da escola. O personagem principal é Kaito, um jogador que é pressionado a fazer qualquer outra coisa a não ser jogar os games de luta em que é viciado, enquanto seu melhor amigo, Akiho, compartilha seu sonho de construir um robô gigante.

A construção se faz durante várias ocorrências misteriosas como relatos secretos que sugerem uma conspiração apocalíptica iminente, monopólios literalmente caindo dos céus, erros de robótica ocasionando problemas letais, entre outros.


- Steins;Gate e Robotic;Notes se passam dentro da mesma linha temporal, a linha "Steins;Gate", com relação de divergência: 1,048596%. Os acontecimentos de Robotic;Notes acontecem 9 anos após Steins;Gate.

- Nae, a filha do Sr.Braun de Steins;Gate aparece em Robotic;Notes mais velha, sendo uma das responsáveis pela JAXA e os projetos gerais lá apresentados. 

- Daru e Kurisu de Steins;Gate aparecem em Robotic;Notes fazendo postagens na @channel sobre o nome "DaSH" na visual novel, e "KURI_KAME" no anime.

Daru é quem monta o programa que erradica o personagem Kimijima Kou de Iru-o em Robotic;Notes.



Robotics;Notes DaSH

Foi anunciado no evento Chiyo-St. Live 2017 -Genesis-, Robotics;Notes DaSH, uma sequência de Robotics;Notes. Data de lançamento, plataformas e mais detalhes da história serão revelados em breve.

Agora você deve se perguntar como esses jogos de viagens no tempo, poderes que alteram a realidade, e robótica, estão todos relacionados a estar no mesmo mundo. 

Basicamente, o que liga todos os games além do mesmo conceito sci-fi, é o seu vilão. Todas essas obras possuem por trás das cortinas o Committee of 300, também conhecido como Illuminati, que baseia-se na teoria da conspiração real de John Caleman sobre um grupo que compartilha desse mesmo nome, as vezes também encontrado como Olympians

O comitê busca abater a população humana em um mundo menor unido sob um governo, fazendo uma dominação mundial com um controle completo da sociedade. Em Robotic;Notes o Committee of 300 tem um plano similar, chamado de "Human Domestication Project".


Crédito da imagem: Steins Gate Wikia / Zeldakasumi


Como mencionado acima, o "Projeto de Domesticação Humana" parece ser o principal objetivo do Committee of 300, pelo qual pretende reduzir a população mundial para um bilhão e uni-lá sob um governo totalitário. Para essa execução, o Comitê investiu fortemente na propaganda e em vários outros projetos. Os principais, e mais notórios projetos até agora na série Science Adventure Series são: 

Project Noah (Chaos;Head, também abordado em Chaos;Child)

Z-program da SERN (Steins;Gate)

Project Mars (Robotic;Notes)

Project Atom (Robotics;Notes).

O Cômite prova ser um grande vilão controlando corporações, partidos políticos, religiões, fazendo sequestros e assassinatos, lavagens cerebrais, controle da mente através de inicialização real, entre outros meios vistos em todas essas obras. Eles são tão influentes que mesmo quando os protagonistas possuem uma máquina do tempo ou poderes sobrenaturais, o Comitê ainda parece imbatível. 

Existem pela internet várias linhas temporais criadas por fãs que vão desde 1959 a 2036, fazendo um histórico dos acontecimentos de todas organizações, com o Committee of 300 por trás, criando uma ligação entre todas as obras do SAS, mostrando a verdadeira execução do plano. Para quem quiser ver esse gigantesco histórico de acontecimentos, clique aqui para ir ao Wikia em inglês.

Sobre as franquias:
  • A visual novel de Chaos;Head nunca foi oficialmente lançada em Inglês, embora haja uma adaptação de anime feita em 2008 pela Madhouse, na qual praticamente ninguém gosta.
  • Chaos;Child tem sua visual novel apenas em japonês, mas já foi confirmado a vinda do jogo para a América ainda em 2017 para PS4 e PSVita. A obra já recebeu uma anime em Janeiro de 2017 pelo estúdio Silver Link.
  • Steins;Gate tem uma versão de sua visual novel lançada oficialmente em inglês, além de um anime fantástico feito em 2011 pela Whitefox.
  • Steins;Gate 0 é mais recente e ganhou uma versão em inglês no fim de 2016, não há adaptação em anime, ainda que haja um episódio especial que foi ao ar junto com o lançamento japonês do jogo. Já foi confirmado uma adaptação para TV, mas até hoje não anunciaram uma data oficial.
  • Robotic;Notes também só em japonês; Entretanto, existe uma adaptação em anime de 2012 pela Productions I.G.
Mas e Occultic;Nine e Anonymous;Code? 

Embora compartilhem do mesmo autor, e respectivamente da mesma marca registrada, não fazem parte da Science Adventure Series, ainda que seja evidente a existência referências entre as obras. 


Occultic;Nine é uma light novel de três volumes, que foi cancelada para o autor continuar a história na adaptação em anime que foi ao ar em 2016 pelo estúdio A1-Pictures. Uma versão visual novel para a obra está prevista para setembro de 2017 no Japão, nas plataformas PS4, PSVITA e Xbox One.


Anonymous;Code é uma visual novel tinha uma data de lançamento para 2017, mas até agora a Mages não foi mais adiante com suas informações. O jogo estará disponível para PS4, PSVita e Nintendo Switch. O jogo ocorre no ano de 2036, ainda que não tenha ligação ao SAS:

A história centra em torno de um grupo de hackers que vivem em Tokyo. No ano de 2036, um supercomputador cria outra Terra usando um simulador, que prevê que um evento cataclísmico ocorrerá em 2038. No entanto, os pesquisadores ficam entusiasmados ao saber que a "humanidade" veio a existir dentro da simulação.

Em um toque cruel do destino, os humanos dentro da simulação criam um supercomputador que então cria um simulador de Terra: um simulador dentro de um simulador. Isso leva os pesquisadores a se perguntar se eles também estão vivendo em uma simulação.

---

Se conhecem outras teorias e referências que não foram citadas aqui, deixem nos comentários. Comentem se gostariam de ver a linha do tempo de eventos da Committee of 300 em toda Science Adventure Series postada aqui no blog traduzido; Seria inviável traduzi-lá agora para colocar junto a este guia, mas alguma hora podemos trazer.





Nenhum comentário:

Postar um comentário


HGS Anime - 2016